Cálculo do Empréstimo Pessoal

Cálculo do Empréstimo Pessoal

Recorrer a um empréstimo nem sempre é a primeira opção, mas, para muito, acaba sendo o melhor a se fazer. Para que essa experiência seja satisfatória, é preciso se organizar financeiramente. Uma maneira eficiente de fazer isso é recorrer ao cálculo de empréstimo pessoal. Isso quer dizer que você pode calcular, antes de solicitar o empréstimo, o valor aproximado das taxas e juros que poderão ser cobrados.

Esse cálculo também é uma maneira de você encontrar qual a melhor instituição financeira para solicitar o seu crédito. Muitas vezes acabamos indo na primeira que encontramos e, por isso, deixamos de conhecer outras propostas. Não tem mistério na hora de calcular empréstimo pessoal, até mesmo porque a internet oferece várias ferramentas capazes de te auxiliar nessa tarefa.

publicidade:

A seguir vamos conhecer quais são as melhores maneiras de você encontrar o valor mais aproximado possível do seu empréstimo pessoal. Mas, antes disso, que tal passarmos por um tema importante quando o assunto é empréstimo? Pois bem, muita gente tem receio de recorrer a esse serviço, e não estão errados, pois as taxas de juros são, realmente, assustadoras. No entanto, se você está com uma vida financeira estável, e o empréstimo seria usado para uma urgência ou para investimento, pode ficar tranquilo.

Imagem relacionada

publicidade:

Uma das principais vantagens do cálculo do valor do empréstimo é que você pode se organizar em cima desse valor. Assim, evita surpresas desagradáveis que podem tornar sua situação financeira delicada. Então, não se preocupe quanto às taxas, desde que esteja preparado para arcar com essa despesa. Abaixo vamos ver como descobrir se o empréstimo pessoal barato ou caro, cabe no seu bolso. Acompanhe com a gente.

Como fazer o cálculo de empréstimo pessoal

Para começar, precisamos saber que de acordo com a modalidade de empréstimo ao qual você vai recorrer, existem taxas adicionais embutidas. Por isso, é muito importante estar atento sobre quais são essas taxas. Na modalidade de empréstimo pessoal vamos lidar com as taxas de juros, a Taxa de Abertura de Crédito – TAC e o Imposto sobre Operações Financeiras – IOF.

Basicamente, é disso que você vai precisar para calcular empréstimo pessoal de maneira simples e eficiente. Agora, partindo para a parte matemática disso tudo, existem algumas maneiras interessantes de calcular os juros do empréstimo e vamos conhecer dois métodos nesse artigo. As calculadoras HP12C, bem como o Excel da Microsoft que está instalado em praticamente todos os computadores, serão nossos instrumentos de cálculo nessa tarefa.

Imagine como exemplo, um empréstimo pessoal no valor de R$3.000,00 onde seu plano de financiamento ficou em 60 parcelas de R$73,00. Para calcular empréstimo pela HP12C, siga os seguintes passos:

  • Primeiro passo: Digite o valor Financiado e aperte a tecla “CHS” (inverter operação, por exemplo de positivo para negativo) +”PV” (Valor Presente);
  • Segundo Passo: Digite o prazo e aperte a tecla “n” (Prazo);
  • Terceiro Passo: Digite o valor da parcela e aperte a tecla “PMT” (Parcela);
  • Quarto Passo: Digite a tecla “i” (juros).

Depois, a calculadora irá calcular o resultado e lhe trará a taxa de juros que, nesse caso, será de 46%.

Para fazer esse mesmo cálculo usando a planilha do Excel, você gastará ainda menos tempo. É uma operação muito simples calcular juros de empréstimo, basta seguir passo a passo abaixo. Crie os seguintes dados:

  • Valor do Empréstimo;

  • Prazo;

  • Parcela;

  • Juros.

Usando o mesmo exemplo que usamos na calculadora, depois de ter todos os dados inseridos, basta colocar a fórmula na linha G5:

=TAXA(F6;-G6;E6;0;0)

Pronto. O resultado já será entregue, perfeitamente, sem complicações.

Resultado de imagem para Cálculo do Empréstimo Pessoal

Dicas de cálculo de empréstimo pessoal para negativados

Uma dúvida recorrente na hora de fazer o cálculo do empréstimo é no caso de negativados. Essa é uma questão delicada e que pode variar muito de um banco para outro. Em algumas instituições financeiras, de fato, há um acréscimo exorbitante nas taxas de juros pelo simples fato do cliente estar com o nome sujo. Apesar de parecer um pouco contraditório, essa é uma tática usada por quase todos os bancos.

Para fugir disso, é preciso que você tenha o empréstimo como opção somente em últimos casos. Nossa dica é simples: faça várias cotações. Quanto mais você procurar, mais chance terá de encontrar uma financeira que esteja realmente disposta a emprestar o valor que você precisa sem se tornar uma pedra no sapato.

Ficar atento também nas facilidades que são oferecidas pelos bancos, pois algumas delas são enganosas. A intenção é parecer vantagem, mas quando analisado com cautela, percebe-se que não é nenhum pouco seguro optar por ela. Então, sempre que surgir a necessidade de recorrer a um empréstimo, esteja ciente de que está, realmente, sendo uma solução e não um problema. E, sim, se você está negativado, o cálculo de empréstimo pessoal no seu caso pode ser um pouco diferente. As taxas de juros mais elevadas são comuns nessas situações.

Porque fazer o cálculo do empréstimo pessoal?

Você que gosta de ter uma vida financeira organizada, sabe que o primeiro passo é controlar os gastos. Ao calcular o seu empréstimo você tem uma noção de quanto vai gastar em cada parcela, por exemplo e quais são os melhores caminhos para quita-las sem passar aperto. E, vai mais além, pois te mostra se você está realmente preparado para assumir esse gasto.

Muito mais necessário do que realizar o cálculo é ter consciência de interpreta-lo e saber exatamente o impacto desses valores na sua vida financeira. Depois disso, basta listar e procurar os bancos de sua preferência. Aqueles nos quais você é correntista, as chances de aprovação são bem maiores. Dependendo da modalidade, o dinheiro pode ser liberado em poucos minutos. Tudo isso visando a sua satisfação.

Os grandes bancos também passaram a ser opções mais confiáveis, pois transmitem uma credibilidade maior quando comparados às centenas de pequenas instituições que prometem empréstimos sem consulta, por exemplo, mas com juros elevadíssimos. Portanto, depois de calcular valor do empréstimo pessoal, basta procurar uma instituição e comparar os valores. Certamente você estará preparado para fazer uma boa escolha e ter o seu empréstimo em mãos rapidamente.

Quer saber mais sobre empréstimo pessoal? Clique aqui e confira!

publicidade:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *