Informe de Rendimentos da NFP 2016

Informe de Rendimentos da NFP 2016

Neste artigo vamos falar um pouco a respeito do IR e também sobre inclusão de rendimentos da NFP ao fazer a sua declaração.

As pessoas que com rendimentos tributáveis superiores a R$28.123,91 somados no ano devem fazer a sua declaração de imposto de renda, assim como os contribuintes que receberam rendimentos isentos, não-tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma é superior a 40 mil.

publicidade:

Informe de Rendimento

Dentre os erros mais comuns para quem vai fazer a sua declaração de imposto de renda estão: omissão dos rendimentos do titular e seus dependentes, dedução incompatível de despesas com previdência privada, valores equivocados de despesas médicas, informações em conflito com a fonte pagadora, omissão de rendimentos de aluguéis, pensão alimentícia com indícios de falsidade. Mantenha-se atento aos tópicos para evitar cair na malha fina.

publicidade:

Perdi o prazo para entregar a declaração de imposto de renda, e agora?

Aqueles contribuintes que perderam o prazo para fazer a entrega da declaração de imposto de renda, deverão ficar atentos à divulgação de um novo período de entrega perante a Receita Federal. Estes deverão apresenta-la o mais rápido possível, pois a multa é calculada conforme o tempo de atraso. A lei prevê 1% ao mês-calendário ou fração de atraso.

Se o contribuinte deixar de fazer a declaração de imposto de renda é considerado sonegação, ele será penalizado com uma multa e o fisco ainda cobrará mais um imposto sobre a renda não declarada. A pessoa física também pode ser processada e investigada por sonegação fiscal punível com pena de reclusão de até 5 anos.

Mesmo depois da entrega da sua declaração, se houver necessidade, é possível fazer a retificação as informações. No próprio programa há uma opção onde você indica que está fazendo uma nova declaração retificadora, onde o usuário insere o número de protocolo da declaração original.

Comprovante de rendimento da Nota Fiscal Paulista

O site da Secretaria da Fazenda do Estado é responsável por divulgar o comprovante de rendimentos dos usuários do programa Nota Fiscal Paulista, através dele é possível indicar os rendimentos na declaração do imposto de renda.

Para consultar o seu, acesse o site e faça o seu login inserindo dados como CPF e senha, em seguida selecione as opções: Conta Corrente > Demonstrativo IR e selecione o ano de referência: IR 2016/Ano Base 2015, por exemplo.

Os prêmios sorteados pela NFP não têm retenção na fonte, então o contribuinte não precisará pagar impostos sobre eles. Entretanto, a Receita Federal só recomenda que o contribuinte informe os valores constantes no Comprovante de Rendimento da Nota Fiscal, em razão da variação patrimonial que os créditos e os prêmios venham a produzir.

Sobre a Nota Fiscal Paulista

A criação da Nota Fiscal Paulista teve o intuito de auxiliar o governo na arrecadação de impostos e beneficiar aqueles que solicitam o cupom fiscal de seus produtos.

O usuário do sistema informa o CPF ou CNPJ na hora de realizar as suas compras, dessa forma lhe é repassado 20% do valor do ICMS. Esse valor estará disponível para resgate durante o tempo de 5 anos, e pode ser utilizado para descontos em impostos como IPVA.

Ao se cadastrar no site, você gera a cupons de sorteio e pode receber prêmios em dinheiro. Periodicamente são sorteadas novas pessoas, e ao participar você também terá a chance de ganhar.

Para resgatar os seus créditos no site siga os passos: Acesso ao sistema > Consumidor > Conta Corrente > Utilizar créditos. Você deverá escolher entre realizar o depósito deles em Conta Corrente ou Conta Poupança. Para completar, preencha o formulário com informações sobre os dados da agência e conta no qual optou por receber o valor (a opção para desconto no IPVA fica disponível somente no mês de outubro), clique em “Confirmar”. A próxima tela a ser exibida, conterá as informações que colocou anteriormente para confirmação, se estiver tudo correto selecione “Efetuar Transferência”. Somente receberá os valores contas cujo cadastro seja do mesmo titular inscrito no programa Nota Fiscal Paulista.

publicidade:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *